Top Social

Higienização de Pincéis

30 julho 2018


Se você se maquia deve ter pelo menos um pincel ou esponja para maquiagem, né? E faz quanto tempo que você não higieniza esse apetrecho?

Se a resposta for "uma vez por ano", ou "duas vezes por ano", ou até "nunca". Você precisa urgentemente rever seu calendário de lavagem dos pincéis. Vem cá que vou te contar por que.

Quanto mais utilizamos os utensílios de maquiagem, mais eles acumulam produto, mais eles acumulam bactérias, fungos que podem causar acne, dermatites, micoses e até candidíase (sim, a candidíase pode se desenvolver na pele). A coisa é séria mesmo! 

Não adianta nada passar todos os creminhos, fazer vários tratamentos, cuidar muito da pele e utilizar pincéis sujos para aplicar a maquiagem. Ás vezes aquelas espinhas e cravos que aparecem do nada e você nem sabe de onde vem, estão surgindo pelos fungos e bactérias. 

Agora que você já sabe o que os pincéis sujos podem te trazer, vou te ajudar na tarefa de limpá-los. 
A primeira coisa é saber se seu pincel tem as cerdas sintéticas ou naturais. Pincéis de cerdas sintéticas são mais durinhos e firmes e possuem as cerdas mais lisinhas, já os de cerdas naturais geralmente feitos de cerdas de animais, são mais macios e maleáveis. A estrutura da cerda é como um cabelo, possui cutículas. Por esse motivo eles precisam ser higienizados de formas diferentes. 

Pincéis de cerdas naturais - precisam ser higienizados com shampoo neutro e água. Para finalizar é adequado fazer uso de condicionar, porque como o cabelo, é preciso fechar as cutículas após abri-las com shampoo. 

Pincéis de cerdas sintéticas - podem ser higienizados com shampoo neutro, detergente ou até sabonete. Eu já testei todas as formas, e pra mim a melhor forma é utilizar o detergente (aqueles de cozinha mesmo), pois ele remove mais facilmente a sujeira e em pincéis que são utilizados com produtos como base e corretivo, ele elimina mais fácil a gordura. Esse tipo de cerda não precisa de condicionador. 

Após a lavagem (de ambos tipos de cerdas) os pincéis devem ficar deitados, ou de preferência de ponta cabeça, para que não escorra água das cerdas para os cabos. E em local seco e arejado. Eu deixo os meus deitadinhos mesmo. Uma coisa IMPORTANTE é evitar molhar os cabos durante a lavagem. Tem que deixar escorrer água somente nas cerdas, porque é essa água pelo cabo que pode danificar o pincel.


Eu tenho utilizado o tapete de silicone para limpeza de pincéis. Coloco o detergente no tapete, molho as cerdas e vou esfregando elas em movimentos circulares pela superfície do tapete, acho que facilita bastante a lavagem. E esse tapetinho pode ser encontrado facilmente em lojas de produtos de beleza e até em farmácias. O meu comprei no Aliexpress.


Outra opção disponível no mercado é o higienizador de pincéis, uma alternativa que já vem pronta, é só borrifar nas cerdas e esfrega-lás em movimentos circulares em um pano. O pincel realmente fica limpinho, mas uso de forma pontual. Quando quero usar um pincel de sombra específico e ele está sujo de outro produto, por exemplo. Esse tipo de produto não substitui uma boa lavagem. 

Um ponto a observar também é: onde você guarda os seus pincéis? Sempre evite guardar no banheiro, ou em lugares úmidos, pois a proliferação de bactérias e fungos é muito maior, sem falar que os pincéis podem ter uma vida útil muito menor. 

Tá e depois de falar tudo isso, faltou comentar sobre a frequência ideal para higienizar os pincéis e esponjas! Não precisa pirar com todas as informações acima e começar a lavar os coitados todos os dias. Pra quem usa muito (nível maquiador profissional) pode lavar uma vez por semana, mas se você usa uma vez por dia, a higienização pode ser feita de em intervalos de 15 a 20 dias. 

Abaixo a gente deixa alguns links de higienizador de pincéis e de tapetinhos para facilitar a sua vida.

Tem alguma técnica especial para deixar seus queridos limpinhos? Escreve aqui nos comentários pra gente. 


Seja o primeiro a comentar:
Postar um comentário